Distanciamento inevitável: E aí, quer tc?

tumblr_l75x2fx4VJ1qat4y0o1_500_largePrimeiro os sms, depois as salas de bate-papo, os aplicativos de mensagens instantâneas (ICQ, MSN…), as redes sociais (Orkut, Twitter, Facebook, Google+…) e agora os aplicativos “meet someone” (Wechat, Tinder…) e os aplicativos de mensagens instantâneas pelo celular (Viber, Whatsapp…), que é como costumo chamá-los.

Agora, qual foi a parte que eu perdi em que as pessoas deixaram de se falar pessoalmente?

Que medo desse mundo novo! Eu ainda sou daqueles jovens-velhos que gosta de ligar, que prefere ir na casa da pessoa à mandar um Whatsapp. OK! Esses aplicativos realmente aproximam quem está longe, mas em contrapartida distanciam os mais próximos. Que saudade da época em que me gritavam da rua para me chamar para um futebol e íamos todos gritando os que iam para o jogo! Hoje em dia, tudo é via celular (Maldito eletrônico!). Aliás, o celular facilita nossa vida em muitos aspectos, mas e quando a bateria acaba? E se você estiver sem o 4G? E se você estiver sem sinal? Pois é! O bom e velho contato ainda funciona! Por sinal, o que é muito comum hoje em dia! As baterias acabarem muito rápido, já que todos usam seus smartphones para tudo e a tal da internet gasta muita bateria. Use o Whatasapp por 1 hora e verá!

Mas voltando ao ponto de partida desse nosso questionamento, temos aqui uma realidade que outrora fora desconhecida. Sem esse papinho de geração x, y e z… Vamos esquecer isso e vamos aos fatos!

Quando que conhecer alguém via aplicativo é/foi/será melhor que conhecer alguém pessoalmente? Quando que dar um like vai valer mais que um sorriso ou uma troca de olhares? Quando que uma conversa a dois vai valer mais que um chat de whatsapp? Será que não é tão óbvio assim? Que triste se continuarmos assim… Imaginem como serão os relacionamentos daqui para frente.

Conhecer pessoas = Aplicativos de meet

Conversas = Aplicativos de mensagens

Ver as pessoas = Fotos no Facebook ou Webcam

Ouvir = manda um áudio no whatsapp, po!

Será que o sexo vai ser virtual também? Será que vamos ter um aplicativo que simulará as funções das pessoas? #Medo

Que saudade da minha época. E olha que não faz tanto tempo assim! O que acho mais engraçado, que quando me veem sendo simpático e falando com todo mundo, me acham dado demais! Sou eu quem sou dado demais e vocês que usam aplicativos para se comunicar que estão certos ou eu quem sou simpático e falo com todo mundo que estou e vocês usuários de aplicativos que estão enganados?

Sou contra e não concordo com esse afastamento. Aliás, prefiro ser eu mesmo ao vivo e a cores, do que criar um avatar e viver uma vida que não é a minha! Sejamos francos!

Mas vale um sorriso no rosto e uma boa conversa, que um áudio e uma foto. Chega dessa vida! Aliás, dessa pseudo-vida! Que boa merda o mundo se tornará ao ter um aplicativo para cada função do seu dia.

 

PS: Antes que os nerds e afins venham questionar o uso dos aplicativos, eu já estou deixando bem claro, que sou a favor do uso, mas não concordo com esse afastamento das pessoas, OK?

 

O mal da vida são as pessoas. Elas destroem o mundo, os relacionamento e elas mesmo. 😉613-9967-02

Anúncios

Um comentário sobre “Distanciamento inevitável: E aí, quer tc?

  1. Também sou jovem-velha e sofro para me adaptar…
    As vezes me acho carente demais por não me enquadrar no padrão whatsapp de amizade e precisar de um olhar, um abraço, um sorriso compartilhado… Isso o app ainda não pode me dar direito (pq irão falar que tem os emoticons).

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s