A felicidade pode até morar ao lado, mas ela começa de dentro.

7432483840_84328465e4_zQuando pensamos em felicidade, sempre a projetamos em alguma situação ou em alguém, dificilmente vemos pessoas felizes por “serem felizes”. Raras são as pessoas que conseguem projetar nelas mesmas uma felicidade constante, sem a necessidade de alguma coisa para que ela aconteça. Vide relacionamentos por aí…

Quando você começa um relacionamento, logo projeta sua felicidade em cima daquele acontecimento e naquela pessoa. Se vai bem, você está feliz, se vai mal, você fica triste. Bom, a felicidade começa de dentro. Se você está bem consigo, dificilmente terá problemas em seu relacionamento. Logo, você terá ainda mais motivos para ser feliz e trazer felicidade aos outros. Como já diria Drummond “Ser feliz sem motivo é a mais autêntica forma de felicidade”. Acho que essa é a máxima da felicidade.

Projete sua felicidade em você mesmo e esqueça dos outros. Esteja bem com você e traga ainda mais felicidade para si e para quem está ao seu redor. Há um tempo assisti um vídeo sugerido pela minha namorada falando sobre essa dependência do ser humano em outra pessoa. Que vídeo sensacional! Falava de Amor Romântico e Amor Genuíno, de Jetsunma Tenzin Palmo. O vídeo fala que essa conotação que temos de que apego e agarramento significam/demonstram amor é a maior burrada que podemos cometer e com isso só trazemos dor. O apego diz “Eu te amo, por isso quero que você me faça feliz” e o amor “Eu te amo, por isso quero que seja feliz. Se isso me incluir ótimo, se não, só quero que seja feliz”. Ela usa no vídeo uma metáfora sobre segurar o sentimento que é genial. Porque o apego é como se você segurasse a pessoa com força, a fim de prende-la com você. E o amor é como se você segurasse com sutileza e nutrisse e deixasse com que as coisas fluam naturalmente. E as pessoas que se apegam, se seguram tão forte, que tem medo de se soltar e sofrer.

Mas Vitor o que isso tem a ver com a felicidade? Tudo!

Concluindo o vídeo e o texto. Você não pode achar que será preenchido por outra pessoa ou que uma parte da sua felicidade provém de outra pessoa. Todos deveríamos ser “preenchidos por si mesmos” e se unir com outras para apreciar o mesmo “dom” na outra pessoa, sem esperar nada em troca ou o mesmo sentimento dela. Você tem que ser feliz sozinho, suprir essa necessidade de bem-estar e seguir adiante. Mas isso é muito difífeliz-felicidadecil, pois temos desejos, ideias e ideais e tentamos transferir isso para a pessoa “amada” ou amada e esquecemos de entender e ouvir os sentimentos alheios…

Sejamos mais felizes por nós mesmos e tentemos ser menos felizes à custa de outras pessoas. Dessa forma, traremos mais felicidade e seremos mais felizes.

Anúncios

Um comentário sobre “A felicidade pode até morar ao lado, mas ela começa de dentro.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s