Páscoa e eu só quero Chocolate

mulher mordendo chocolateNeste domingo comemoramos a Páscoa. Como de costume, foi aquela correria aos supermercados e lojas especializadas em chocolates. Por isso, vamos falar dessa iguaria sagrada para muitos (Principalmente, pelas mulheres em TPM) e ter um breve vislumbre da história deste fruto sagrado.

O chocolate é originário do cacau, fruta nativa da América Latina e que era um item raro e de luxo, dele se originou o xocoatl, bebida dos guerreiros e nobres. Ele era consumido pelos Maias pois acreditavam que ele era capaz de para combater o cansaço, e ser afrodisíaco. Dificilmente nós gostaríamos do xocoatl, tudo por que nesta época a bebida era amarga e normalmente temperada com baunilha e pimenta, sim, pimenta. Nesta época, do ‘suco’ originado do cacau, também era produzido um tipo de bebida alcoólica.

maias

O chocolate que conhecemos hoje em dia, começou a ser desenvolvido após a conquista do império Asteca pelos espanhóis, em 1519, por Hernán Cortés. O preparo da bebida ficou em segredo com os espanhóis por quase 100 anos, quando foi levado para Itália e posteriormente para a França e logo se espalhou por toda Europa. Somente em 1828, com uma invenção de Van Houten, que foi possível separar a manteiga de cacau, reduzindo assim todo o seu amargor e acidez.

Quase 50 anos depois, nachocolate derretido Suíça, um doceiro teve a brilhante ideia de adicionar leite à bebida e depois de anos de tentativas, resolveu levar sua ideia até Henry Nestlé, que na época era fabricante de leite evaporado. Com o gênio Nestlé trabalhando ao seu lado, após alguns testes, eles conseguiram desenvolver o chocolate ao leite.

Curiosidades:

Falso Cacau:

Na época dos Maias, devido ao seu alto valor de mercado, estes grãos eram falsificados com alguma frequência.

Santo remédio:

No século XVI, o chocolate era recomendado em várias partes da Europa com freqüência como remédio para curar febres e dores de estomago. Acho que hoje em dia também deveria ser recomendado para aliviar a TPM. rs

M&M’s na guerra:

chocolateDurante a guerra civil espanhola, um americano teve a ideia ao ver soldados comendo bolinhas de chocolates coberta com uma camada mais dura para evitar o derretimento. Quando ele voltou para os EUA, criou chocolates revestidos por uma camada mais dura de açúcar. A partir daí a produção do M&M’s era direcionada para o exército como parte da Ração C, que era levada para os locais tropicais onde o exército lutava.

Nutella:

Durante a Segunda Guerra também foi desenvolvido a famosa Nutella. Devido a um racionamento do cacau, o confeiteiro Pietro Ferrero resolveu acrescentar avelã ao chocolate. Nascia assim a Pasta Gianduia, que deu origem a Nutella que conhecemos hoje.

Chocolate que não é Chocolate:

Adorado por muitos, o chocolate branco na verdade não é chocolate pois não leva massa de cacau em sua composição, apenas Manteiga de cacau misturada com açúcar. Quem liga pra isso? Rs

Fontes:

  1. http://www.brasilpost.com.br/2015/04/23/nutella-segunda-guerra_n_7131136.html
  2. http://www.chocolatearaucaria.com.br/site/historia-do-chocolate/
  3. http://listonas.com.br/10-curiosidades-sobre-o-chocolate-que-talvez-voce-nao-saiba/
  4. https://pt.wikipedia.org/wiki/Chocolate
  5. http://www.instigatorium.com/o-que-tem-em-comum-segunda-guerra-e-os-mms/

Editado por Vitinhu Costa e redigido por Rafael Alf

Anúncios

3 comentários sobre “Páscoa e eu só quero Chocolate

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s